segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

A propósito de uma reportagem hoje na Sic, sobre o casal ventoso.


Já toda a gente viu um drogado/a a matar o vicio, fazem-no em qualquer lado sem olhar a meios ou a quem os rodeia, infelizmente é assim.
São vícios muito maus, caros e que às vezes leva as pessoas a cometer atos tresloucados para terem dinheiro para o vicio.

A reportagem que deu hoje mostrou bem o que há muito é uma realidade.

Agora, o que mais me choca é haver pessoas que andam pelos pinhais de dia/noite, a distribuir seringas preservativos e outros. Há inclusive gabinetes com médico, enfermeiros psicólogos, para darem assistência a quem tem esse vicio. 
Pretendem a construção de salas de chuto para não andarem na rua.

E aí eu pergunto, porque não visitarem também os idosos que estão sós por essas serras, aldeias cidades e ninguém quer saber deles! Porque não dar assistência a eles também? Ainda por cima, foram os idosos que trabalharam que produziram alguma coisa, e eles (os drogados) nunca trabalharam.


Há coisas tão mal feitas neste país há coisas que me revoltam, esta é uma delas. 

5 comentários:

  1. Acho muito bem que tentem arranjar soluções, mas é preciso haver coerência!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Soluções para todos, precisam-se para drogados, crianças idosos etc.
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Também vi a reportagem. Que tristes vidas tão degradantes... Arrepia-me ver estas coisas

    ResponderEliminar
  3. Por acaso nao vi a reportagem... mas ja vivi esta realidade perto demais... inclusive ja dei aconselhamento num centro de recuperação e era muito nova, cheguei a conclusão que e preciso muita forca de vontade, e como tudo... e tens toda a razao sobre os idosos...
    Bjinhosss e bom fim de semana*
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar